Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/03/20 às 19h08 - Atualizado em 31/03/20 às 19h08

Sema e Casa Civil vão atuar juntos para melhorar Sistema E-Coleta

COMPARTILHAR

 

Portaria conjunta da Secretaria de Meio Ambiente (Sema) e Casa Civil do Distrito Federal define a gestão compartilhada do sistema eletrônico de gerenciamento das atividades de coleta seletiva solidária (E-Coleta) no âmbito dos órgãos e entidades da Administração Pública do Distrito Federal. O documento foi publicado no dia 26 de março no Diário Oficial do DF.

 

Para a gerente de Implementação de Políticas de Resíduos da Sema, Maria Fernanda Teixeira, a publicação da portaria conjunta significa que a Sema vai poder atuar mais diretamente na gestão do sistema. “A área de tecnologia da informação da secretaria vai ter acesso às bases do sistema e, tanto a Casa Civil, quanto nós, agora poderemos atuar, indicando que as alterações necessárias irão acontecer de forma mais dinâmica, dando celeridade às melhorias contínuas que o E-Coleta necessita por ser um sistema novo”.

 

De acordo com o documento, compete à Casa Civil compartilhar com a Sema a documentação e o código fonte do sistema, de acordo com o processo evolutivo e treinamento a ser realizado pela Subsecretaria de Tecnologia da Informação da Casa Civil.

 

Também fica a cargo da Casa Civil, acompanhar e apoiar o processo de manutenção e continuidade do desenvolvimento do sistema, oferecendo suporte técnico necessário e; apoiar as ações necessárias à operacionalização do E-Coleta na Sema, que fica responsável por adotar as medidas necessárias para viabilizar a recepção e operacionalização do E-Coleta.

 

A Sema também fica responsável pelo suporte técnico para manutenção, atualização e aperfeiçoamento do sistema, solicitando o suporte da Casa Civil, quando necessário e; também promover a capacitação e o cadastramento dos agentes públicos dos órgãos e entidades.

 

E-Coleta

Lançado em 2018, o Sistema monitora informações de todo o material reciclado nas dependências do governo do Distrito Federal. Desta forma, o planejamento para coleta e tratamento de resíduos sólidos será facilitado com a reunião das informações no site, acessível a todos os servidores.

 

Comissões de Coleta Seletiva Solidária, formadas por servidores dos orgãos do Executivo local, serão responsáveis por alimentar a plataforma (www.e-coleta.df.gov.br), desenvolvida sem custos por técnicos da Casa Civil, com o apoio do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e da Sema.

 

Assessoria de Comunicação

Secretaria do Meio Ambiente